Spinner a nova febre coletiva. Ele alivia estresse e ansiedade? Para que serve?

18:37


Após a febre do pokémon, eis que surge uma nova febre coletiva com o spinner. Depois de se tornar viral nos Estados Unidos ele agora está dominando o mundo rs ..
Me parece que ele é uma espécie de pião em uma versão ultra avançada. Lembra o pião?



 O spinner possui um círculo giratório no centro, sendo que, ao colocar os dedos nas pontas, com um movimento rápido dos mesmos é possível girá-lo, criando uma rotação veloz, com um efeito visual dinâmico, dada a sua variedade de cores
Em resumo, ele é um brinquedinho que ao receber um impulso ele  gira e gira e só rs.. 


Afinal, para que serve o brinquedo que está a conquistar o mundo?

Ele foi criado por Catherine Hettinger no início dos anos 1990, com um intuito de ajudar crianças com dificuldades de concentração e problemas de ansiedade. Aliviar o stress e até ajudar menores com características do espetro do autismo, déficit de atenção e hiperatividade. 

Essa foi a criadora do brinquedo. Apesar do belo sorriso na foto, acho que ela não tá tão feliz já que não conseguiu nenhum dinheirinho com essa febre coletiva deste brinquedozito mara rs.. Ela não teve condições de pagar a patente e por isso perdeu todos os direitos que ela teria hoje caso estivesse ainda o nome dela. OH MY GOD! 



Será que o spinner realmente o spinner traria benefícios para a saúde, como alívio do estresse, ansiedade e melhora no Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH)?

Vi alguns youtubers e algumas conhecidos que confirmam a eficácia do brinquedo contra ansiedade, estresse ou TDAH, porém ainda não existe estudos científicos que comprovem isso.

Eu testei o brinquedo e também concordo que o brinquedo pode trazer um certo alivio contra o estresse, nos ajuda também a manter o foco, ele me ajudou a ter uma breve satisfação. Se o spinner lhe traz benefícios, não há motivos para não o utilizar.

 Quando fazemos algo que nos dá prazer, nosso corpo libera neurotransmissores como a serotonina, nos fornecendo a sensação de bem-estar.






Devemos encontrar estratégias para saber lidar com esses agentes estressores.  Algumas pessoas pintam, outras escutam músicas e tem até quem aperta bolas de borrachas. O importante é conseguir apaziguar esses estresses de uma forma que traga benefícios a você.


 

É importante ressaltar que não deve ser um tratamento para o TDAH, ansiedade ou autismo,não deve ser substituído por profissionais dos quais estão habilitados para isso. É necessário que essas pessoas tenham um acompanhamento com especialistas como médico, psicólogo, fisioterapeuta, dentre outros, para que seja feito um tratamento do qual tenha resultados. 






E vocês conhece esse novo brinquedito que conquistou vários brasileiros? 

Me conta ai o que voc achou dele se já conhece. 



Ah, olha só quem entrou na onda dessa febre mundial rs..







POR HOJE É SÓ. ATÉ A PRÓXIMA, PESSOAL!! RS...






You Might Also Like

0 comentários